Confira aqui os postos volantes atualizados da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe

Domingo, 22 de Março de 2020 - 17:54

[Atualizado em 29 de março de 2020, às 13h32] A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que começou no dia 23 de março, ocorre com estratégias para evitar aglomerações. Em Guarulhos, pessoas com 60 anos ou mais, bem como profissionais de saúde, público prioritário nesta primeira etapa, estão sendo vacinados, das 8 às 16 horas, em áreas externas das UBS, algumas até em sistema drive-thru e outras com pontos de vacinação em outros locais

Na quarta-feira (25) foi instalado um grande ponto de vacinação em sistema drive-thru na avenida Paulo Faccini, em frente ao Bosque Maia, para vacinar especialmente as pessoas com 60 anos ou mais. Profissionais de saúde devem procurar a UBS ou os postos volantes. Nesta segunda-feira (30) a equipe do Ambulatório da Criança e do Adolescente estará vacinando neste ponto, por este motivo não haverá vacinação no serviço.
 
Drive-thru
Além do Bosque Maia, as UBS São Ricardo, Tranquilidade (que está vacinando na EPG Izolina Alves David), UBS Itapegica, Cidade Martins, Vila Galvão, Acácio, Carmela, Inocoop, Marinópolis, Nova Bonsucesso, Ponte Alta, Soberana, também seguem vacinando em sistema drive-thru.

Postos volantes (pontos móveis de vacinação)
Confira abaixo a lista das UBS que vacinarão em locais fora da unidade. As UBS que não estão nesta lista estão vacinando na própria unidade, exceto as UBS Jacy e Soimco, que nesta segunda-feira (30) vacinarão os acamados.

UBS Flor da Montanha
EPG Capitão Gabriel José Antônio. Rua Edson de Souza, 724 - Picanço

UBS Tranquilidade
EPG Izolina Alves David. Rua Diva, 245 - Torres Tibagy 

UBS Vila Barros
EE Professor Roberto Alves dos Santos. Rua Carlos Korkischko, 444 - Vl Barros 

UBS Munhoz
Colégio Bauer. Av Professor José Munhoz, 437 - Jd Munhoz

UBS Cavadas
Escola Municipal da Emília. Rua João Loprete, 234 - Vl São João

UBS Fortaleza
Em frente a unidade. Rua Hilário Pires de Freitas, 155 - Jd Fortaleza

UBS Bananal e Santos Dumont
E. E. Professor Maurício Nazar. Rua João Dias, 247 - Pq Santos Dumont

UBS Santa Paula
Igreja São João Evangelista. Rua Maria Roza de Campos, 116 - Bonsucesso


Atenção!
Os postos volantes, assim como as UBS que oferecem sistemas drive-thru, podem sofrer alterações. Na dúvida, o usuário pode entrar em contato por telefone com a UBS em que é cadastrado para confirmar o local de vacinação. Os contatos e endereços de todas as unidades estão disponíveis no link: www.guarulhos.sp.gov.br/index.php/unidades-basicas-de-saude-ubs. 

Etapas da Campanha de Vacinação
A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, que terá o dia “D” de mobilização nacional em 9 de maio, segue até o dia 22 de maio. Segundo o Ministério da Saúde, a priorização dos idosos nessa primeira fase, mesmo diante da não eficácia da vacina de Influenza contra o coronavírus, é uma forma de auxiliar os profissionais de saúde a descartarem as influenzas na triagem e acelerarem o diagnóstico para a Covid-19. Além disso, a pasta considera os estudos e dados que apontam que casos mais graves de infecção por coronavírus têm sido registrados em pessoas acima de 60 anos. Por isso a importância das pessoas respeitarem as etapas da vacinação.

1ª ETAPA (A partir de 23 de março): Pessoas com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde.

2ª ETAPA (A partir de 16 de abril): Professores; portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais; e Forças de Segurança e Salvamento.

3ª ETAPA (A partir de 09 de maio): crianças de 6 meses a menores de 6 anos; gestantes; puérperas (até 45 dias após o parto); povos indígenas; adolescentes e jovens sob medida socioeducativa; população privada de liberdade; funcionários do sistema prisional; e adultos de 55 a 59 anos.

Dados de gripe no Brasil
De acordo com dados do Ministério da Saúde, em 2020, até 14 de março, foram registrados 165 casos e 13 óbitos por Influenza A (H1N1), 139 casos e 14 óbitos por Influenza B e 16 casos e 2 óbitos por Influenza A (H3N2), no Brasil. O estado de São Paulo concentra o maior número de casos de H1N1, com 42 casos e 2 óbitos. Em seguida, estão a Bahia (40 casos e 3 óbitos) e o Paraná (20 casos e 5 óbitos). No ano passado, o país registrou 5.800 casos e 1.122 óbitos pelos três tipos de influenza.

Imagem: Márcio Lino / PMG