Mais de cinco mil pessoas participam do “Sabores do Alto Tietê” em Guarulhos

Segunda, 25 de Novembro de 2019 - 17:08

Um público de mais de cinco mil pessoas foi conferir neste sábado (23)a quarta edição do“Sabores do Alto Tietê” – uma feira cultural que reúne o melhor da culinária de Guarulhos e de outros nove municípios que integram o Condemat (Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê). Guarulhos participou como sorvete de mandioca – uma receita tradicional de famílias do bairro Torres Tibagy – e o arroz suíno – com sua origem na rota dos Bandeirantes que passava pela cidade –, além de expor produtos de artesanato do projeto Tear –serviço da Rede de Atenção Psicossocial da Prefeitura para reabilitação de pessoas com sofrimento psíquico ou transtornos mentais, que participam de oficinas (mosaico, tear, vela, marcenaria, entre outros).

O prefeito Guti visitou a feira e aprovou o sorvete de mandioca. “Nós temos pratos típicos e bons demais como o sorvete de mandioca e o arroz suíno. Estamos recebendo o “Sabores do Alto Tietê”. São 12 cidades da região vendendo comida típica para reverter aos Fundos Sociais, que vão levar aos que mais precisam”, afirmou Guti.

Entre os pratos salgados e doces comercializados a preços populares estavam pizzas, biscoitos, churrasco, tapioca doce e salgada, sorvete de massa, pastéis doces e salgados, suco de cambuci, yakissoba, sorvetes, frutas com chocolate, paçoca, churros, bolo de pote, pão de mel, hambúrguer gourmet, lanche caipira, entre outros. Barracas de artesanato regional e atrações culturais completaram a programação.

Organizado em parceria pelo Fundo Social de Solidariedade de Guarulhos e o Departamento de Turismo, o evento foi idealizado pelos demais Fundos Sociais de Solidariedade do Condemat com o objetivo de estimular a integração e o voluntariado, divulgar as ações e arrecadar recursos para os projetos desenvolvidos nas cidades.

Origem

O arroz suíno com costelinha tem sua origem ligada aos desbravadores que passavam pela cidade e costumavam levar carne embalada em gordura. Guarulhos tinha um dos maiores abatedouros de porco da época, localizado no Macedo, e era um dos maiores fornecedores de carne fresca deste animal. Já o sorvete de mandioca é uma receita tradicional de famílias do bairro Torres Tibagy, que cultivavam mandioca e consumiam o sorvete após as refeições, além de oferecer a conhecidos próximos do núcleo familiar. A receita original contém mandioca cozida, leite e açúcar.

Fotos: Divulgação/PMG