Movimenta Saúde abre Janeiro Branco no Parque Júlio Fracalanza

sexta-feira, 11 Janeiro, 2019 - 18:30

Na manhã desta sexta-feira (11) foi realizada a abertura do Janeiro Branco no Parque Júlio Fracalanza. A parceria entre a Secretaria de Saúde com a equipe do Programa Lixo Zero Guarulhos, da Secretaria de Serviços Públicos, e a da Casa das Rosas e Margaridas e Beths, da Subsecretaria de Políticas para Mulheres, resultou em uma programação que contemplou vivências, oficinas e danças circulares, para fomentar a reflexão sobre o conceito de Cultura de Paz aos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e frequentadores do parque.

A Vivência “Sustentabilidade e Cultura de Paz”, proporcionada pela coordenadora do Programa Lixo Zero, Celi Pereira, e equipe, levou momentos de reflexão aos participantes a partir da Carta da Terra, da campanha “Escolha a Calma”, que promove a escolha consciente pela paz e não-violência na sociedade com base na reflexão e na prática de 12 valores. São eles: amor, perdão, tolerância, confiança, respeito, humildade, paciência, flexibilidade, humor, compaixão, cooperação e gentileza, além das ferramentas que ajudam as pessoas a superarem o medo e a raiva, e a escolher a calma em situações do dia a dia.

Celi também discorreu sobre a importância das escolhas realizadas no cotidiano, como fechar a torneira enquanto se escova os dentes, separar os resíduos recicláveis para doar para um catador e até as escolhas relacionadas à emoção, em que numa situação de estresse, pode-se escolher entre esbravejar ou simplesmente manter a calma.

A ACS da UBS Itapegica, Jaqueline da Silva Pereira, afirmou que a importância de participar de um evento como esse é de poder multiplicar o aprendizado adquirido. “A partir de agora, quando eu fizer as visitas domiciliares, vou orientar como realizar a separação correta do lixo para a reciclagem, assim como não jogar óleo no ralo. Vou tentar divulgar informações como essas o máximo possível, para que a gente não entre em colapso”, contou.

Na oficina sobre violência cultural foram questionadas as ações que impedem a garantia de direitos das mulheres. “O objetivo da atividade foi o de promover ampla discussão acerca do tema na perspectiva da Cultura de Paz, para a promoção de uma vida humana saudável e significativa, sendo esta a forma mais efetiva de prevenir a violência,” explicou Ivanda Sobrinho, coordenadora do Centro de Referência Municipal em Atendimento à Mulher em situação de Violência.

Para finalizar, a terapeuta ocupacional do NASF Recreio São Jorge, Barbara Miranda, e o colaborador Fabu Valente, realizaram danças circulares, que por ter origem em diferentes culturas, favorecem a aprendizagem e a conexão entre os participantes, onde o enfoque não é a técnica, mas sim o sentimento de união do grupo.

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)

A Programação ressaltou a importância dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), conjunto criado por líderes mundiais em 2015 para erradicar a pobreza, proteger o planeta e garantir que as pessoas alcancem paz e prosperidade. O ODS 16 é sobre “Paz, Justiça e Instituições Eficazes”, o qual objetiva promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.

Fotos - Sidnei Barros / PMG

 

Veja Também

Copyright 2016 Prefeitura de Guarulhos. Todos os direitos reservados.
Sobre